Slide site cultural de Feijó

LUMINAR - TUDO PARA SUA CONSTRUÇÃO

Neto Meireles - Formatação & Crimpagem

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Donos de terrenos sujos podem ser notificados devido à dengue em Feijó

Lei de limpeza de terrenos começa a valer nesta quinta-feira (28).
Proprietários são obrigados a manterem terrenos limpos, segundo lei.

Do G1 AC

Os proprietários de terrenos sem manutenção, tomados por mato, lixo e entulhos da cidade deFeijó, no interior do Acre, vão passar a ser notificados. Para evitar que esses locais se tornem favoráveis à proliferação de mosquitos da dengue, a prefeitura da cidade aprovou uma lei para a limpeza de terrenos baldios localizados dentro da cidade.

A lei foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (28), data em que a obrigatoriedade da limpeza de terrenos baldios passa a valer sob pena de notificação.
O prefeito da cidade, Hammerly da Silva Albuquerque, explicou ao G1 que, primeiramente os proprietários dos terrenos baldios vão ser notificados, e que caso não cumpram a determinação da prefeitura, vão receber uma multa.
Após receber a notificação, o proprietário tem um prazo de 40 dias para realizar a limpeza,  manutenção e conservação do local. Segundo a prefeitura, todo imóvel que estiver localizado no perímetro urbano da cidade

Acidente com vela destrói casa e deixa família desamparada

280416-policia-incendio-cleriston2
Mãe pede ajuda após acidente com vela esquecida acesa
Mulher esquece vela acesa e provoca incêndio em toda a casa no bairro Amapá. A dona de casa (identificada como “Sabrina”) viu a residência de madeira onde morava com o filho e as irmãs ser consumida pelo fogo após esquecer uma vela acesa.
O incêndio só foi percebido por volta das 4h da madrugada quando a família acordou com o barulho do fogo consumindo tudo. Ela faz um apelo ao Gazeta Alerta por madeiras para reconstruir casa e também por roupas para as crianças.
O número de contato é 99718277 ou 9986-4283
agazeta.net

Governador discute situação da BR-364 com deputados da Comissão de Obras e Transporte


O governador Tião Viana recebeu  os deputados membros da Comissão de Obras e Transportes da Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Acre). Eles vieram com o intuito de debater a manutenção da BR-364 no trecho entre Sena Madureira e Cruzeiro do Sul, pedindo ao governador que intervenha sobre a rodovia.


A Comissão da Aleac tem realizado um relatório sobre a situação em que se encontra a rodovia federal e a necessidade de manutenção em seus pontos mais críticos. Tião Viana agradeceu o empenho da comissão e lembrou que a rodovia é um desafio de engenharia grandioso a ponto de estar aberta durante todo o ano para circulação apenas a partir do primeiro ano de seu governo, em 2011.
“Até outubro de 2014, o governo do Estado cuidou dessa rodovia, e nesse período éramos capazes de fazer a viagem de Rio Branco a Cruzeiro do Sul em até seis horas. E tudo que foi feito nela por nós foi aprovado pelo Dnit [Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes], que hoje é o responsável”, conta o governador.
Expectativas
Uma reunião do governador já está agendada com o ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, para esta sexta-feira, 29. Ainda segundo Tião Viana, este ano o Ministério destinará R$ 78 milhões para manutenção dos trechos entre Tarauacá e Cruzeiro do Sul.
Embora exista um projeto de licitação no valor de R$ 300 milhões em Brasília, a crise política atual do país pode prejudicar seu andamento, por isso o governador pediu aos deputados a união de toda a bancada do Acre nessa empreitada, principalmente dos parlamentares federais.
Participaram da reunião os deputados Jonas Limas, Raimundinho da Saúde, Antonio Pedro e o presidente da comissão, Jesus Sérgio. “Nosso objetivo é que não haja risco de a rodovia fechar, com tráfego o ano todo. Viemos com o governador para que ele intervenha junto a Brasília e que venham recursos para manter a BR-364 funcionando”, conta Jesus Sérgio.
O deputado Jonas Lima avaliou como positivo o encontro. “Entramos em acordo com a base do governo e a oposição para que levemos esse relatório sobre as condições da BR-364 até Brasília, a fim de conseguirmos recursos para a manutenção dela, e agradecemos ao governador Tião Viana por se mostrar disposto nessa necessidade do povo acreano e nos receber”, conta.
oriobranco.net

Primeiro simulado on-line do Enem acontece neste sábado; saiba mais


Neste sábado, 30, jovens que cursam o ensino médio, testarão os seus conhecimentos no primeiro simulado on-line do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016.
O simulado on-line é um recurso oferecido pelo MEC aos 2,2 milhões de estudantes do último ano do ensino médio. O teste terá 80 itens, com a mesma metodologia de elaboração de questões do Enem. O conteúdo do primeiro provão será composto principalmente por assuntos estudados nas escolas até abril.
Para este primeiro teste, serão oferecidas 120 mil pontos de internet, em todo o país. Tratam-se de locais com acesso à internet em universidades e institutos federais de educação, ciência e tecnologia. O simulado on-line, gratuito, pode ser feito também em instituições particulares e comunitárias e escolas estaduais de ensino médio. Nesses locais, o horário de início do exame está previsto para as 8h e vai até as 12h (de Brasília) do dia 30.
O simulado on-line do Enem é importante para que o estudante saiba como anda seu aprendizado. O rendimento permite à plataforma de estudos traçar um diagnóstico detalhado e indicar quais videoaulas o candidato precisa assistir e quais exercícios tem de fazer, em cada matéria. O estudo pode ser feito a qualquer hora do dia. Com o simulado, o estudante recebe uma nota e sabe como seria sua classificação no Enem.
Esse recurso permitirá ao estudante saber quanto tempo ele precisa investir nos estudos e que assuntos devem ter prioridade no aprendizado para alcançar a vaga desejada na educação superior. Isso é possível porque a plataforma compara o resultado imediato do simulado com a nota de corte do Enem para o curso e para a universidade de interesse de quem busca fazer a graduação.
As inscrições para a edição do exame neste ano começam em 9 de maio próximo. O prazo vai até às 23h59 do dia 20 de maio. As provas estão marcadas para os dias 5 e 6 de novembro, sábado e domingo, respectivamente.

Condutor será notificado quando CNH estiver próximo do vencimento

No próximo mês, os condutores que estiveram com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) próximo do vencimento serão notificados pelo Departamento Estadual de Trânsito da Acre (Detran) por meio de carta que será entregue pelo Correios. A ação também é válida para os condutores em permissão.
A ação é uma iniciativa do projeto “Detran Amigo”, que visa aproximar a instituição do cidadão. Na carta, o usuário será informado sobre as datas e os procedimentos que devem ser realizados para regularizar sua situação.
A previsão é de que a correspondência seja enviada ao endereço do condutor em um prazo de 45 dias antes da data de vencimento. A medida busca evitar que os motoristas conduzam seu veículo com o documento vencido, que é uma infração gravíssima, segundo o artigo 162, inciso V, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).
Como solicitar o serviço junto ao Detran
A CNH é um documento que tem data de validade. Isso significa que motoristas entre 18 e 65 anos precisam, a cada cinco anos, atualizar seus exames e dados junto ao Detran, a fim de que uma nova carteira seja emitida. Maiores de 65 anos precisam renovar a habilitação a cada três anos.
Para renovar a habilitação, o usuário deve procurar uma unidade do Detran na capital ou interior, munido dos documentos pessoais e da antiga habilitação.
Caso a CNH esteja vencida há mais de cinco anos, é necessário realizar um curso de reciclagem ou uma prova teórica no Detran. O condutor deverá pagar uma taxa para confecção da habilitação e outra para o exame médico.
Se a carteira for de Permissionário, ele poderá solicitar a emissão da CNH definitiva, tão logo cumprido o prazo de 12 meses contados da data de emissão da permissão, por meio do site da autarquia ou pessoalmente em uma das unidades do órgão.
Após realizar todos os procedimentos, em cinco dias úteis a nova habilitação é expedida.
ac24horas

Tião Viana e deputados de Comissão da Aleac discutem manutenção da BR-364

Deputados Jonas Limas, Raimundinho da Saúde, Antonio Pedro e Jesus Sérgio se reuniram com o governador para unir forças pela conservação da BR-364 - Foto: Sérgio Vale
O governador Tião Viana recebeu na tarde desta quarta-feira, 27, os deputados membros da Comissão de Obras e Transportes da Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Acre). Eles vieram com o intuito de debater a manutenção da BR-364 no trecho entre Sena Madureira e Cruzeiro do Sul, pedindo ao governador que intervenha sobre a rodovia.
A Comissão da Aleac tem realizado um relatório sobre a situação em que se encontra a rodovia federal e a necessidade de manutenção em seus pontos mais críticos. Tião Viana agradeceu o empenho da comissão e lembrou que a rodovia é um desafio de engenharia grandioso a ponto de estar aberta durante todo o ano para circulação apenas a partir do primeiro ano de seu governo, em 2011.
“Até outubro de 2014, o governo do Estado cuidou dessa rodovia, e nesse período éramos capazes de fazer a viagem de Rio Branco a Cruzeiro do Sul em até seis horas. E tudo que foi feito nela por nós foi aprovado pelo Dnit [Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes], que hoje é o responsável”, conta o governador.

Expectativas

Uma reunião do governador já está agendada com o ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, para esta sexta-feira, 29. Ainda segundo Tião Viana, este ano o Ministério destinará R$ 78 milhões para manutenção dos trechos entre Tarauacá e Cruzeiro do Sul.
Embora exista um projeto de licitação no valor de R$ 300 milhões em Brasília, a crise política atual do país pode prejudicar seu andamento, por isso o governador pediu aos deputados a união de toda a bancada do Acre nessa empreitada, principalmente dos parlamentares federais.
Participaram da reunião os deputados Jonas Limas, Raimundinho da Saúde, Antonio Pedro e o presidente da comissão, Jesus Sérgio. “Nosso objetivo é que não haja risco de a rodovia fechar, com tráfego o ano todo. Viemos com o governador para que ele intervenha junto a Brasília e que venham recursos para manter a BR-364 funcionando”, conta Jesus Sérgio.
O deputado Jonas Lima avaliou como positivo o encontro. “Entramos em acordo com a base do governo e a oposição para que levemos esse relatório sobre as condições da BR-364 até Brasília, a fim de conseguirmos recursos para a manutenção dela, e agradecemos ao governador Tião Viana por se mostrar disposto nessa necessidade do povo acreano e nos receber”, conta.
Agência de Notícias do Acre

quarta-feira, 27 de abril de 2016

'Sinto muita dor', diz menina de ossos de vidro diagnosticada com escoliose

Francisca Tavares, de 12 anos, nasceu com esteogênesis imperfeita no AC.
Garota deve viajar para São Paulo para fazer exames referentes à coluna.

Caio FulgêncioDo G1 AC

Francisca Tavares, de 12 anos, enfrenta um problema de escoliose (Foto: Caio Fulgêncio/G1)Francisca Tavares, de 12 anos, enfrenta um problema de escoliose (Foto: Caio Fulgêncio/G1)
Quem vê o sorriso no rosto de Francisca Tavares, de 12 anos, que nasceu com osteogenesis imperfeita, doença rara dos ossos de vidro, nem consegue imaginar as crises de dor nas costas que tem sentido há pelo menos seis meses. O diagnóstico de escoliose só veio no início deste ano, conta Maluce Ferreira, mãe da garota.
"Ela começou a colocar sangue pela boca e a coluna dela estava muito torta, mas ninguém sabia dizer o que era. Eu levava ela ao médico, mas eles demoraram muito para atender e uma amiga levou em uma clínica particular, disseram que era essa doença e não tinha mais jeito", relata a dona de casa.
Francisca diz que a dor é tão intensa que nem os remédios minimizam. Tem dias, segundo ela, que a aula é prejudicada. Devido ao problema dos ossos de vidro, Francisca há um ano estuda em casa, com dois professores disponibilizados pelo Estado. Ela cursa o 7º ano do Ensino Fundamental.
"Sinto muita dor na coluna, cada dia mais. Prejudica para eu estudar porque não consigo escrever quando estou com muita dor e tenho que ficar deitada. Tomo remédio, mas não passa. Hoje, nem brinco mais, só fico em casa", relata a garota.
Para tentar minimizar a escoliose, Francisca passa por tratamento de fisioterapia duas vezes por semana, também de forma gratuita, em uma clínica particular de Rio Branco. Além disso, por causa da gravidade, está esperando uma vaga para viajar para exames em São Paulo (SP) pelo Tratamento Fora de Domicílio (TFD).
Menina foi diagnosticada no nascimento com osteogenisis imperfeita, doença dos ossos de vidro (Foto: Caio Fulgêncio/G1)
Menina foi diagnosticada no nascimento com
osteogenisis imperfeita, doença dos ossos de vidro
(Foto: Caio Fulgêncio/G1)
Casa nova
Apesar do novo problema de saúde, de junho de 2014, quando o G1 conheceu o caso de Francisca, para abril deste ano, boas mudanças aconteceram. A casa já não é mais de palafitas, sem acessibilidade e esgoto a céu aberto. Há um mês, com a ajuda do governo, saíram do aluguel social e mudaram-se para um novo lugar - agora de tijolos e com saneamento básico.

Marluce não esconde a felicidade de não precisar mais se preocupar, além da moradia de madeira, com a chuva, que deixava o antigo local intransitável. "Melhorou bastante a situação em relação à casa. Nos botaram em aluguel social, passamos nove meses e agora saiu a casa", relembra.
Francisca também gostou do novo bairro, da antiga residência só sente saudade das amigas. "Gosto de morar aqui, mas sinto saudade das minhas amigas da outra casa. Só uma que veio uma vez para ver onde estou morando e me ver, mas ela não pode vir toda vez", acrescenta.
'Vou gravar vídeo para internet', diz menina
Apesar da rotina cheia, com aulas e fisioterapia, Francisca revela que está com um novo projeto. Quer começar um canal de vídeos na internet onde pretende fazer tutoriais de maquiagem, uma paixão já antiga. No entanto, o nome ainda não foi escolhido, segundo ela.

"Antes eu já tinha tentado outros canais, mas não estava dando certo, pelo fato de tão ter internet em casa. Eu gravo do celular e, agora, vou postar quando eu for para a fisioterapia. Na outra casa tinha muito barulho e agora está melhor. Gosto muito de maquiagem e vou gravar", ressalta.
Mãe e filha devem viajar para São Paulo para fazer exames para as dores da coluna (Foto: Caio Fulgêncio/G1)Mãe e filha devem viajar para São Paulo para fazer exames para as dores da coluna (Foto: Caio Fulgêncio/G1)
Doença dos ossos de vidro
A osteogênesis imperfeita é uma doença genética rara que provoca a fragilidade da estrutura óssea do corpo, facilitando diversas fraturas. Há um mês, Francisca registrou mais uma fratura, quebrando o braço. "Fui esticar um lençol e estalou de uma vez", relata.

Para a viagem da garota para exames referentes à escoliose, Marluce acrescenta que não tem recursos. Por isso, a mãe pede ajudar para angariar verba para o custeio da estadia em São Paulo. A viagem ainda não tem data marcada. Interessados podem entrar em contato no número (68) 9907-8144
.

Após roubo de caminhonete, homem capota veículo em rodovia do AC

Polícia Rodoviária Federal prendeu suspeito na terça-feira (26) na BR-317.
Carro teria sido roubado em Capixaba e capotamento ocorreu em Xapuri.

Do G1 AC

Segundo a PRF-AC, veículo teria sido roubado em Capixaba também na terça-feira (26) (Foto: Divulgação/PRF-AC)Segundo a PRF-AC, veículo teria sido roubado em Capixaba também na terça-feira (26) (Foto: Divulgação/PRF-AC)
Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na terça-feira (26), um homem suspeito de participar do roubo de uma caminhonete no município de Capixaba, distante 72 km de Rio Branco. A prisão ocorreu nas proximidades do Trevo de Xapuri, no km 222 da BR-317, após o suspeito capotar o veículo.
Segundo o registro da ocorrência, a PRF foi acionada logo após o roubo do veículo, que teria sido praticado por cinco pessoas armadas.
Depois de se dirigirem ao local da ocorrência, os policias foram avisados de que uma caminhonete com as características do que foi roubado estaria nas proximidades de Xapuri.
Conforme a PRF, o suspeito foi encontrado caminhando às margens da rodovia com algumas escoriações pelo corpo. Durante a abordagem, o homem teria dito que perdeu o controle do automóvel, o que acabou gerando o acidente.
A polícia afirmou ainda que ele teria falado que recebeu a caminhonete de desconhecidos em um ramal e estaria se dirigindo para Cobija, na Bolívia. O suspeito foi encaminhado para delegacia de Polícia Civil de Xapuri
.