Slide site cultural de Feijó

Neto Meireles - Formatação & Crimpagem

terça-feira, 28 de junho de 2016

Point do Park Apresenta Mais Um Grandioso Show Musical, com Dennis e Adryele, Diretamente de Cruzeiro do Sul, Ac. Não Perca Vai Ser D+++++++

Lei cria feriado do Dia do Agricultor no interior do Acre

Segundo secretário, data é uma homenagem aos agricultores do município.
Projeto de lei foi proposto por vereador Magildo Lima (PP-AC).

Quésia MeloDo G1 AC

Teodoro Acuña, 42, agricultor em Nicarágua, teve sua plantação afetada pela seca (Foto: Inti Ocon/AFP)Lei cria Dia do Agricultor em município no interior
do Acre (Foto: Inti Ocon/AFP)
Em homenagem aos produtores rurais do município de Senador Guiomard, localizado a 24 quilômetros, o prefeito James Pereira Maciel decretou o dia 28 de julho como Dia do Produtor Rural e também feriado municipal.
Segundo o secretário municipal de Comunicação, Gilberto Moura, o projeto de lei foi apresentado na Câmara pelo vereador Magildo Lima (PP-AC), que mora na zona rural. Ela afirma que, dos nove parlamentares, atualmente na Câmara, quatro são do interior.
"É uma homenagem, pois a maioria da Câmara é da zona rural. A lei foi sancionada compreendendo os vários investimentos que o município já possui no interior, como a Casa do Colono, que foi recentemente reformada, o Galpão da Agricultura e a aquisição de tratores e máquinas que ajudam os produtores", disse.
Moura diz ainda que trabalham em uma programação para a data, mas ainda não há nada definido. "Pensamos em algum evento, mas está em fase de construção. Isso demonstra a força do agricultor aqui no município", finaliza.

Líderes da oposição do Acre criam versão atualizada do MDA e carta de intenções

6d0da5e4-77e0-49e5-8089-434cb3bf88d0
Para tentar derrotar a Frente Popular, aliança que governa o Acre há quase duas décadas, oito partidos de oposição se uniram e criaram uma carta de intenções intitulada “Unidos pelo Desenvolvimento do Acre”.
A junção das siglas é uma versão atualizada do extinto Movimento Democrático Acreano, o MDA, que em 2000 conseguiu derrotar o PT e seu então candidato a prefeito de Rio Branco, Raimundo Angelim, ao eleger Flaviano Melo (PMDB), hoje deputado federal.
A aliança conta com PSD, PMDB, PP, PSDB, DEM, PMN, PPS e PTB. Seu cabeça pensante é o senador Sérgio Petecão (PSD).
A chamada carta de intenções foi divulgada durante reunião na sede do PSDB, em Rio Branco, e, posteriormente, assinada pelos dirigentes e representantes dos partidos que compõem o bloco, também apelidado de G-8.

“É do Petecão essa ideia. Ele há algum tempo tenta juntar a oposição”, informou o vice-presidente do PMDB, ex-deputado federal João Correia, ao lembrar um dos principais pontos da carta de intenções: “uma aliança sem embargos de apoio de outras agremiações partidárias”.
Apenas dois partidos, diz o segundo parágrafo do acordo escrito da oposição, são proibidos de fazerem aliança com qualquer uma dessas oito legendas partidárias: PT e PC do B. A justificativa dos oposicionistas é de que petistas e comunistas são “inimigos da democracia e do liberalismo”.
A carta informa ainda que nos 22 municípios do Acre, a oposição buscará a unidade em torno de candidaturas únicas.
A intenção, de acordo com os líderes desse bloco, é debater antes de qualquer nome um projeto de desenvolvimento. Por outro lado, na oposição, três pré-candidaturas já estão na rua: a do tucano Francineudo Costa, do democrata Tião Bocalom e a da peemedebista Eliane Sinhasique.

Aparentemente, pelo menos nas prévias, os partidos estão se entendendo, embora apresentem propostas diferentes. E a ideia do bloco é afastar de uma vez por todas a pecha de uma oposição desunida e sem projeto.


IMG_20160628_104059922
http://www.ac24horas.com/2016/06/28/lideres-da-oposicao-do-acre-criam-versao-atualizada-do-mda-com-carta-de-intencoes/

Acre sanciona lei que estabelece Dia do Católico como feriado estadual

Lei foi sancionada e será comemorada no dia 20 de janeiro no estado.
'Dia do ecumenismo seria mais interessante', diz padre Mássimo Lombardi.

Quésia MeloDo G1 AC
Procissão ocorreu após missa na Catedral, em Rio Branco (Foto: Quésia Melo/G1) 
Lei decreca Dia do Católico como feriado estadual
(Foto: Quésia Melo/G1)
O governo do Acre sancionou uma lei que estabelece o Dia do Católico, comemorado em 20 de janeiro, como feriado estadual. A comemoração deve passar a constar no calendário de eventos do estado.
A lei foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Acre e sancionada pelo governador Tião Viana. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (28).

O projeto de lei foi apresentado pelo deputado Manoel Morares (PSB-AC) no dia 9 de março e recebeu 17 votos dos 24 parlamentares acreanos. No Acre, já existe o feriado do Dia do Evangélico, que é comemorado em 23 de janeiro. A data foi criada em 2010 após a aprovação de uma lei elaborada pelo ex-deputado Helder Paiva.

O padre Mássimo Lombardi, da Igreja Católica de Rio Branco, criticou a lei e acredita que o feriado do Dia do Católico poderia ser substituído pelo Dia do Ecumenismo. Dessa maneira, segundo ele, todas as religiões seriam representadas.

Lombardi também criticou os feriados prolongados, que poderiam ser todos comemorados no domingo para não afetar o serviço público.

"Sou um padre que luta pelo ecumenismo. Se for assim, daqui a pouco teremos também o dia do espiritismo, umbandistas e candomblé. Mas, para mim, o Dia do Ecumenismo seria mais interessante e uma bela iniciativa. Outra coisa, as pessoas precisam trabalhar, é feriadão de quinta à segunda-feira. É feriado nacional, estadual, municipal, tem que diminuir isso e colocar tudo no domingo", finaliza.

Mulher acusa marido de agredi-la: 'estou cansada de sofrer', desabafa

Caso ocorreu em Cruzeiro do Sul; homem já foi preso outras vezes.
Mulher apresenta hematomas pelo corpo; ela registrou boletim de ocorrência.

Adelcimar CarvalhoDo G1 AC
Sandra diz que é constantemente agredida pelo marido  (Foto: Adelcimar Carvalho/G1) 
Sandra diz que é constantemente agredida pelo marido (Foto: Adelcimar Carvalho/G1)
Muito abalada e chorando, a dona de casa Sandra da Silva, de 38 anos, mostra os hematomas no rosto e espalhados pelo corpo, consequência de chutes e tapas. Ela acusa o marido de tê-la agredido, na segunda-feira (27), no bairro da Várzea, em Cruzeiro do Sul. Machucada, Sandra conta que foi agredida ao menos quatro vezes pelo marido e que ele também já foi preso pelo crime, mas que não muda o comportamento.
Mulher tem hematomas pelo corpo e rosto; ela alega que está cansada de ser agredida pelo marido  (Foto: Adelcimar Carvalho/G1) 
Mulher tem hematomas pelo corpo e rosto e alega
que está cansada de ser agredida pelo marido
(Foto: Adelcimar Carvalho/G1)
Sandra revela que o marido saiu do presídio na sexta-feira (24) e, desde então, passou a agredi-la. "No primeiro dia achei que ele ia parar. Está com quatro vezes que ele me bate e o motivo é porque ele não presta mesmo", diz.

Às vezes, peço que Deus em mate porque estou cansada de sofrer e não quero mais envolver minha família nisso", desabafa entre lágrimas.

A Polícia Civil ofereceu proteção à vítima e pediu que Sandra ficasse em um abrigo, mas ela recusou. "Eu preciso voltar para minha casa, deixei tudo aberto e acho que ele não vai voltar", acredita.

Responsável temporariamente pela Delegacia da Mulher, o delegado Vinícius Almeida informou ao G1 que o caso está sendo investigado. A vítima deve ser submetida ao exame de corpo de delito ainda nesta terça-feira (28). "O suspeito sempre é o último a ser ouvido. Estamos ouvindo testemunhas e vamos comprovar a agressão com o laudo", finaliza.

Homem é baleado enquanto jantava com a filha dentro de casa no AC

Eduardo de Aguiar está internado no Hospital de Urgência e Emergência.
Caso ocorreu no bairro João Eduardo II, em Rio Branco, na segunda (27).

Caio FulgêncioDo G1 AC
Eduardo Melo de Aguiar, de 31 anos, foi alvejado por um tiro na nuca na segunda-feira (27) (Foto: Arquivo pessoal) 
Eduardo Melo de Aguiar, de 31 anos, foi alvejado
por um tiro na nuca na segunda-feira (27)
(Foto: Arquivo pessoal)
O entregador Eduardo Melo de Aguiar, de 31 anos, foi alvejado com um tiro na nuca em frente à filha de 12 anos, no bairro João Eduardo II, em Rio Branco. Ele estava dentro de casa, na noite da segunda-feira (27), quando um homem entrou no local e fez o disparo usando uma espingarda, conforme informou a esposa dele, Judite Aguiar, de 32 anos.

Judite, que não estava em casa no momento do ocorrido, conta que o marido estava jantando no sofá da sala, quando foi surpreendido pelo tiro. Aguiar está internado no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) e deve ser submetido a uma cirurgia, porém, não corre risco de morte.

"Eu estava no curso e minha filha ligou dizendo que tinham dado um tiro na cabeça do pai dela. Ela nem sabia falar direito. Era um rapaz moreno de bicicleta. Ele botou o pé na porta, entrou e atirou. Depois, ele pegou a bicicleta e saiu. O tiro pegou na nuca, mas ele está bem", conta a mulher.

Após o ocorrido, vizinhos chamaram viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e da Polícia Militar do Acre (PM-AC). Judite diz que a família não tem certeza de quem seria a pessoa responsável pelo crime, no entanto, existem suspeitas.

"Roubaram as coisas de um amigo do meu marido e ele foi junto com a polícia para recuperar as coisas. Imaginamos que tenha sido isso. Ele foi de cara limpa e as pessoas marcaram ele", finaliza.

“Que se entregue o Juruá para o Amazonas”, diz Naluh Gouveia em caso de fechamento da BR 364

61c71848-0988-4ada-a205-e0fb125c4a86
“Que se entregue o Juruá para o Amazonas”, diz Naluh Gouveia em caso de fechamento da BR 364
“Que se entregue o Juruá para o Amazonas”, disse a presidente do Tribunal de Contas do Estado do Acre (TCE), conselheira Naluh Gouveia, em caso de fechamento da BR 364, possibilidade esclarecida em seu gabinete pelo supervisor do DNIT no Acre, Tiago Caetano. A entrevista concedida pela conselheira ao ac24horas foi exclusiva logo após a exposição do relatório do Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre ao Fórum Permanente de Prevenção e Combate à Corrupção.
Para Naluh será “um poço de incompetência deixar uma situação dessa acontecer”. Ela citou que ao abrir a estrada de inverno a verão, o Estado criou uma expectativa aos povos do Juruá, fazendo com que empresários dessem fim as alternativas de transportes existentes antes da rodovia “que era pelos rios e balsas”, acrescentou.
LEIA MAIS:
Sem meias palavras, lembrando os tempos em que atuava com parlamentar na Assembleia Legislativa, a ex-deputada farpou: “seria uma maldade muito grande com aquele povo, nós aqui dessa região já sabemos o que é um fechamento de uma rodovia”, comentou a conselheira.
A possibilidade de fechamento da BR 364 foi ventilada pelo supervisor do DNIT no Acre, Tiago Caetano, que mesmo com a execução do chamado PLANO B, não descartou a possibilidade em função do atraso na licitação das obras do CREMA – restauração de menor porte, que exige no prazo de três ou quatro meses a execução do passivo.
Ontem o DNIT anunciou a audiência pública que será realizada em Tarauacá, dia 13 de julho para esclarecer a proposta de restauração e manutenção da única rodovia que liga Rio Branco ao Juruá, que ainda vem sendo analisado e tratado como anteprojeto pelo órgão em Brasília.
“A minha geração e a sua [se referindo ao repórter] ainda ficou em fila na fogás, mas as novas gerações não sabem o que é isso, não sabem o que é entrar em um supermercado e pegar somente duas caixinhas de leite”, concluiu a conselheira.
ac24horas

Após homem fugir em viatura, PM apura possível falha de policiais no AC

Comandante da Polícia Militar diz que 'regras foram quebradas'.
Viatura estava parada quando homem foi para o banco da frente e levou carro.

Anny BarbosaDo G1 AC
Viatura foi levada para o pátio da Polícia Militar em Cruzeiro do Sul  (Foto: Anny Barbosa/G1) 
Viatura foi levada para o pátio da Polícia Militar em Cruzeiro do Sul (Foto: Anny Barbosa/G1)
O homem de 26 anos, preso após fugir com uma viatura da Polícia Militar no domingo (26), deve responder por embriaguez  e danos ao patrimônio público, pois, ao tentar fugir bêbado, ele bateu o carro da PM nos muros de duas casas.
O comandante do 6º batalhão da Polícia Militar, major Lázaro Moura, se pronunciou sobre a conduta dos policias que participaram da ocorrência e disse que o caso será investigado.

“Será instaurado um procedimento administrativo para que o caso seja apurado. Até o momento, não podemos atribuir nenhuma responsabilidade, muito embora algumas regras de segurança tenha sido quebradas”, disse o comandante.

A viatura utilizada na fuga está no pátio do quartel e ficou bastante deteriorada. Segundo o delegado da Polícia Civil Elton Futigami, o homem foi encaminhado para o presídio em Cruzeiro do Sul e a pena pode chegar até quatro anos de reclusão.

“Diante do desfecho da ocorrência ele foi autuado em flagrante pela embriaguez e dano ao patrimônio público", informou.

Entenda o caso
Um homem de 26 anos foi preso no bairro Escola Técnica, em Cruzeiro do Sul, na madrugada de domingo (26), por dirigir alcoolizado. Após entrar na viatura da polícia e ser conduzido ao pátio da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), o homem, que não estava algemado, passou para o banco da frente da viatura e fugiu. Ele foi recapturado pelos policiais após bater a viatura no portão de uma residência.